quarta-feira, dezembro 01, 2004

1º de Dezembro

Pessoal, animem-se! O governo caiu!
Pensem bem... Há que ter esperança e pensar que a seguir vem aí o outro palhacito... A geração palhacito é o que está a dar!
O "nome de filósofo" vai ter oportunidade de nos demonstrar que conhece outras
formas de ser incompetente...
Sim, porque este cantinho à beira mar pulantado vai continuar na MERDA!

Continuo a defender a minha teoria de pedirmos à UE que nos mande alguém para gerir esta merda... 'Tão ver? É como fazem com as empresas em falência... Mandam um gestor judicial... OK! Mas que não corresse tão mal como com as empresas em falência...

A malta pedia ajuda à UE e eles mandavam uns gajos competentes para gerir esta merda até começar a endireitar... O melhor é entregarmos esta cena a alguém que perceba do assunto.
OK! Eu sei, hoje é o 1º de Dezembro, uma data com muito significado para nós... (os que sabemos porque é que hoje é feriado)

Sabem... Eu costumo fazer uma brincadeira com os espanhóis que conheço (E como alguns sabem até há bem pouco tempo não eram poucos)
Costumo perguntar-lhe se sabem que o 1º de Dezembro é o feriado mais importante do nosso calendário. Eles, cheios de boa vontade, perguntam "Mais que o 25 de Abril?" e eu "Claro que sim... Foi quando vos pusemos fora pela última vez".

Mas, pessoal, deixem-me partilhar convosco o seguinte, era melhor a malta pedir ajuda aos vizinhos do lado, tão a ver? Ir lá pedir um raminho de salsa e aproveitar para perguntar se não têm alguém competente para nos vir tirar da merda.

A sério... Tenho orgulho em ser portuguesa, mas de há uns anos para cá, apetece-me mesmo é emigrar para a Galiza, ou para a Andaluzia que sempre é mais quente e não chove tanto.

Bem, o que interessa é que o "Xoninhas" (como diz o nosso amigo) lá se resolveu a mandar o "Pateta" dar uma volta ao bilhar grande.

E mais uma teoria minha... Acho que o Pateta ficou aliviado... Já pensaram que o gajo agora já pode voltar às suas noitadas na Kapital (ou seja lá o que for que esteja agora na moda) e a dormir as suas sestinhas às 5 da tarde, sem isso ser notícia no Expresso, mas sim na Caras?

Caiu! Caiu!
Caiu! Caiu!
Caiu! Caiu!
Caiu! Caiu!
Caiu! Caiu!
Caiu! Caiu!
Caiu! Caiu!
Caiu! Caiu!





2 comentários:

Anónimo disse...

caíu!!!! caíu!!!! caíu!!!! caíu!!!! caíu!!!! caíu!!!! caíu!!!! caíu!!!! caíu!!!! caíu!!!! caíu!!!! caíu!!!!
caíu!!!! caíu!!!! caíu!!!! caíu!!!! caíu!!!! caíu!!!!

Viva!!!! e concordo contigo,

agora vai pra lá o Platão
continuar o trabalho do parvalão
e que cada vez que pensa,
só pode saír palavrão.

(não sei porque é que o bacano se chama Sócrates, se fosse Platão era a mesma cena e dava para fazer muito mais rimas!!!!!)
R

CM disse...

Essa do 1º de Dezembro provocou ontem uma conversa muito embaraçante (para ele) com o meu colega espanhol. Enquanto esperávamos que o Sr. Xavier Solana despachasse estes gajos e viesse falar connosco, estávamos todos (os da UE) com cara de parvos e a fazer conversa de circunstância, até que veio a famosa pergunta "porque é que apareces de calças de ganga hoje?". Resposta de circunstância: "Sabes, é que hoje é feriado nacional em Portugal, embora esteja a trabalhar o dia todo, pelo menos que venha de ganga". E o Espanhol: "Feriado porquê?". E pronto. Levou logo com a restauração e com a revolta aos Filipes que até ficou de trombas. Não tenho culpa que ele me tenha feito a pergunta ao pé dos outros todos (que se riram que nem uns perdidos...). É a vida pá. Ibéricos, pero non troppo...